Mulher a treinar doente

Devo treinar quando estou doente?

Está doente. Constipado, vá. Sente algumas dores no corpo e aquela sensação de desconforto tão típica de quem já está “a chocar alguma”. Ignora isso tudo, arranja o saco e prepara-se para ir treinar. Antes de sair, pergunta-se: será que devo treinar quando estou doente?

Não tem a certeza se está a fazer bem ou mal, mas não como não é pessoa de ficar em casa a convalescer decide ir treinar na mesma.

A recomendação mais comum para estes dias em que está doente será a de que deve ficar a descansar, em vez de estar a sujeitar o corpo a um esforço redobrado de recuperação.

Mas, nem toda a gente tem os mesmos sintomas quando está doente. E isto quer dizer muita coisa.

Se tiver fortes dores de garganta, se sentir o peito congestionado, se tiver vómitos, dores de estômago e dores no corpo, provavelmente já estará com febre e nesse caso não deve mesmo ir treinar. Até porque, sejamos sinceros, quando uma pessoa está neste estado mal se consegue mexer ou afastar-se por muito tempo da casa de banho, por isso, treinar não será sequer a primeira coisa que lhe vai passar pela cabeça

Se os sintomas forem “apenas” dores de garganta não muito fortes, aquela tosse característica e não constante, espirros, congestão e consequente corrimento nasal, então arranje o saco e não arranje desculpas! Vá treinar que pior não fica. A não ser que vá para a rua correr de tshirt e calções.

Mas para termos mesmo a certeza do que lhe estamos a dizer, perguntámos ao nosso PT Koobby Pedro Miranda se se deve treinar quando se está doente.

Pedro Miranda, Co-founder e Personal Trainer Koobby

Pedro Miranda, Co-founder e Personal Trainer Koobby
Foto de Liete Couto Quintal

“Quando nos sentimos verdadeiramente adoentados devemos reduzir a intensidade do treino e optar por exercícios mais simples, menos puxados e que exijam menos do corpo. Contudo dependerá sempre dos sintomas que sentir.”

“Caso tenha febre é completamente desaconselhado treinar… não vale a pena correr riscos desnecessários.”

“Desde que seja um treino de intensidade baixa ou moderada (20 a 40 min) pode ajudar o sistema imunitário a recuperar, através do aumento da circulação sanguínea e melhorando a propagação de anticorpos. Contudo, tal como já disse anteriormente, depende sempre dos sintomas que tiver e de como se sentir. Se a sua intuição o mandar ficar a repousar, porque não se sente fisicamente capaz de treinar, é isso que deve fazer”

Agora que já sabe a opinião de um professional especializado sobre o assunto, lembre-se que serão os sintomas que tiver que vão ditar a sua “sorte”.

Bons treinos e se estiver mesmo doente, as melhoras.

Written by Koobby
A Koobby é uma plataforma online para a descoberta e reserva de treinos e experiências de bem-estar. Os Clientes podem descobrir novos Profissionais de Exercício Físico e Saúde, fazer o agendamento online e avaliar os profissionais. Os Profissionais podem criar o seu perfil na Koobby, divulgar o seu trabalho e serviços e ser contratados por novos Cliente e fidelizar Clientes actuais. No futuro teremos mais categorias Profissionais na Koobby. #KoobbyFit